Editor: Henrique Magalhães
Rua Maria Elizabeth, 87/407
João Pessoa, PB. 58045-180
Brasil
Tel: (83) 8885.1211

Pedidos por transferência ou depósito bancário:
Banco do Brasil
Agência 1619-5
Conta 41626-6.

O preço das publicações já inclui a postagem como carta simples.

Envie por e-mail o número da agência onde for feito o depósito, seu pedido  e o endereço para entrega.

Contato
editora@marcadefantasia.com
www.marcadefantasia.com











Artlectos e Pós-Humanos

Artlectos e Pós-Humanos
Edgar Franco
João Pessoa: Marca de Fantasia, março de 2012. N. 6, 32p. 14x20cm. R$8,00.
ISSN 1984-6665

Em março de 2012 a editora Marca de Fantasia lança mais uma edição da revista em quadrinhos Artlectos e Pós-Humanos, de Edgar Franco. A revista é dedicada aos quadrinhos poéticos de Edgar, que desenvolve nela o universo denominado “Aurora pós-humana”. São quadrinhos de teor metafísico que investigam a essência do ser humano e suas fusões com a tecnologia cibernética. Passando por nova fase pessoal, Edgar esclarece no editorial da revista:

“Eu me declarei Ciberpajé no dia 20 de setembro de 2011, descrevendo o meu renascimento através de uma contagem regressiva diária, baseada em 10 chaves que significam valores importantes para mim nesse novo momento. Essas chaves foram criadas e fixadas em meu corpo renascido através do ritual de desenhá-las, capturando sua forma em minha visão cosmogônica. Esse número 6 de Artlectos e Pós-Humanos traz HQs fruto dessa transmutação em Ciberpajé. Algumas delas geraram inclusive músicas que podem ser ouvidas em: www.youtube.com/posthumantantra.

A figura do pajé é fascinante, ele tem a capacidade de conectar-se diretamente com a natureza para modificar a realidade. Ele mistura os mundos, o mundo de suas cosmogonias transcendentes ao mundo ‘real’ e assim consegue reestruturar a realidade.

Sou um ser que crio cosmogonias, mundos ficcionais e tenho utilizado gradativamente esses mundos para modificar a minha realidade. Através da mixagem de meus mundos com o pretenso mundo real, eu reconstruo minha realidade buscando simplesmente ser eu mesmo! O prefixo ciber, da cibernética, foi agregado ao termo pajé porque ele incorpora as novas possibilidades tecnológicas como um campo amplo para os exercícios mágicos de conexão entre mundos que o Ciberpajé promove.”

H. Magalhães

   Mais Artlectos e Pós-Humanos pela Marca de Fantasia
Artlectos e Pós-Humanos
N. 1. SM Editora. 2006. 32p. 15x21cm.
Artlectos e Pós-Humanos
N. 2. SM Editora. 2007. 32p. 15x21cm.
Artlectos e Pós-Humanos
N. 3. Mar. 2009. 32p. 14x20cm.
Artlectos e Pós-Humanos
N. 4. Março 2010. 36p. 14x20cm.
Artlectos e Pós-Humanos
N. 5, março 2011. 32p. 14x20cm.




 INDEX  EDITORIAL  ÁLBUNS  LIVROS  REVISTAS  CAMARADAS